Blog 123

RÉVEILLON NO RIO DE JANEIRO: COMO IR SEM GASTAR MUITO?

reveillon

Você já deve ter notado, através dos programas de fim de ano da televisão, que o ano novo é um dos eventos mais movimento do Rio de Janeiro, perdendo (talvez) apenas para o carnaval. Portanto, quando falamos de passeio de réveillon no Rio, falamos de uma viagem de altíssima temporada.
A boa notícia é que, mesmo em uma época presumidamente mais cara, dá para gastar pouco viajando para o ano novo na cidade maravilhosa. O segredo é planejar com antecedência, fazer as escolhas certas, eliminar gastos desnecessários e dar uma olhadinha nas dicas abaixo para conseguir pular as sete ondinhas em Copacabana e começar 2018 com um dinheirinho no bolso.

Dica 1: compre as passagens com desconto

O Rio de Janeiro é uma das cidades consideradas “hub” dentro do Brasil, ou seja, centenas de voos em conexão passam por ela durante o dia. Como a demanda é alta, o que não faltam são boas oportunidades de conseguir uma passagem com desconto rumo ao Rio.
Como é alta temporada, compre o bilhete o mais rápido possível! Dê uma olhadinha no site da 123Milhas na sua melhor data e horário e garanta sua ida e volta para a cidade maravilhosa gastando bem menos do que você esperava.

rio-de-janeiro

Dica 2: seja modesto na hospedagem

Uma coisa é querer a experiência completa do réveillon no Rio, com festa no iate e hospedagem no Copacabana Palace, e a outra é fazer isso caber no orçamento dos meros mortais.
A capital fluminense é repleta de bons hotéis que não são cinco estrelas para que você se hospede com conforto e sem queimar a grana toda para essa finalidade. Se o hotel não for na orla, então, grandes chances de conseguir bons descontos.
Agora, se você faz questão de ficar na praia, procure por hostels e hospedagens no AirBNB, que podem estar com valores muito mais acessíveis do que os hotéis bem localizados.

rio-de-janeiro

Dica 3: leve o lanche para a praia

Como a cidade está repleta de turistas nessa época do ano, a demanda vira um prato cheio para que a oferta de comida e bebida nos quiosques (e até com os ambulantes das praias) seja superfaturada.
Ao chegar no destino, faça as compras de águas, sucos, cervejas e lanches rápidos e leve sua “marmitinha” para a areia. Se for se hospedar em um local em que pode fazer seu almoço, como em um flat, aproveite para economizar também nessa refeição do dia – e descansar um pouquinho do sol.
Só não vale gerar lixo nas orlas e deixar por lá mesmo! Leve na mochila uma sacolinha descartável para se desfazer do seu lixo quando o passeio acabar.

rio-de-janeiro

Dica 4: esqueça o táxi

Se tem uma coisa que é cara no Rio de Janeiro esse negócio se chama táxi. Por isso, só utilize o transporte particular se for muito necessário, principalmente se a distância entre os pontos for relativamente grande.
Dos aeroportos do Rio para as principais localidades da cidade partem ônibus conhecidos como “frescão”, equipados de ar condicionado e bagageiro, melhorando consideravelmente a perspectiva de gasto com esse deslocamento.
Se você for ficar na cidade por muito tempo e realmente precisar utilizar táxi para se locomover na maioria das vezes, faça uma pesquisa para ver se não compensa alugar um carro. A diária pode sair mais barata do que uma única corrida na cidade maravilhosa.

rio-de-janeiro

Dica 5: ano novo é na praia!

Se você estiver indo para a cidade para participar de festas fechadas do ano novo, esqueça todas as definições de economia que podem passar por sua mente. Esse é um programa caro e que só vai compensar se realmente significar a realização de um sonho. Caso contrário, vá pra praia! O Rio tem um dos espetáculos de fogos mais emocionantes e famosos do planeta, e é com o pé na areia que você pode fazer parte desse evento de maneira completa, com milhões de pessoas dividindo esse momento com você.

rio-de-janeiro

Aliás, esse número pode assustar um pouco, mas é justamente isso que faz o ano novo do Rio de Janeiro ser tão especial: a vibração de milhões de pessoas ao mesmo tempo, desejando que o próximo ciclo seja incrível, vai te inspirar a ver a vida de outra forma – além, claro, dos inúmeros shows que tomam as orlas das praias mais famosas, como Ipanema e Copacabana, e a promessa de uma festa 0800 até a manhã seguinte.

Se você vai passar seu réveillon no Rio de Janeiro, atente-se para as dicas de segurança: como são muitas pessoas em um mesmo lugar, evite sair com acessórios de valor e, sempre que possível, deixe celular e outros pertences mais caros em casa. Dito isso, combine com as pessoas do seu grupo um ponto de encontro caso alguém se perca, uma vez que achar seus amigos na multidão pode ser um pouco impossível à meia noite.

Comentários


[fbcomments]