Blog 123

AVIÃO: UM DOS MEIOS DE TRANSPORTE MAIS SEGUROS DO MUNDO

Avião é seguro

Mesmo que o avião tenha evoluído em matéria prima e tecnologia (muito se fala dos futuros aviões sem piloto, por exemplo), muita gente ainda tem receio de entrar na gigantesca caixa de lata que voa.

Antes de qualquer coisa, é bom lembrar que essa definição é completamente plausível: feito em sua maioria de alumínio, o avião é, mesmo, uma gigantesca caixa de lata que voa. Mas a magia da coisa está, justamente, no “que voa”: ele não voa por acaso, e sim porque várias razões cientificamente explicáveis fazem com que isso seja possível. É por causa delas que, comprovadamente, o avião é o meio de transporte mais seguro do mundo.

Para sermos completamente honestos, é o segundo: na lista de tudo o que usamos para nos deslocar do ponto A ao ponto B sem ser nossas próprias pernas, o mais seguro do mundo é, oficialmente, o elevador(!). Nesse caso, ser o segundo mais seguro é uma grande vantagem, visto que ninguém viaja entre cidades de elevador – mas pega carro, ônibus, barco, navio, bicicleta, trem e, claro, avião. Portanto, pode comprar sem medo suas passagens aéreas para a próxima aventura.

 

Avião é seguro

 

Por que o avião é tão seguro?

Uma aeronave tem um nível extremo de excelência. Para se ter noção, apenas 10% de todos os desastres de avião da história do mundo foram causados por falhas da máquina. A confiança na lata é possível porque, na aviação comercial, todas elas operam com princípio de redundância: dois motores, dois pilotos e, pelo menos, dois sistemas de navegação.

No momento em que você compra um bilhete aéreo, não está pagando apenas pela poltrona e pelo combustível: seu dinheiro é utilizado, também, para treinamento incansável de pilotos e comissários de bordo, especialização de mecânicos e de equipe em solo, manutenção preventiva (que obedece a rigorosos critérios), verificações periódicas e compras de tecnologias e aeronaves cada vez mais poderosas. Quando você desembarca, tudo isso recomeça com o próximo passageiro.

Ao contrário de uma gasolina de carro, que pode estar adulterada, ou uma revisão de veículo que você fez e percebe, no meio da estrada, que sua seta não está funcionando, um avião não decola se 100% de suas capacidades não estiverem em pleno funcionamento. Quando o piloto percebe que tem algo minimamente errado, uma troca de aeronave é solicitada, o voo atrasa ou é até cancelado, mas ninguém entra em um avião, no mundo todo, onde o piloto não tenha segurança absoluta de que ele pode subir e descer sem colocar a vida das pessoas – incluindo sua própria – em risco.

Além disso, já ouviu a expressão “contra fatos não há argumentos”? Pois é, no caso da aviação, esses fatos são endossados por números, e aí não existe nenhuma escapatória. Vamos começar por eles: a probabilidade é uma das razões pelas quais os aviões são tão seguros. A chance de um avião cair é de 1 em 8 milhões.

Há ainda outro fator que faz com que as chances diminuam ainda mais a cada desastre que acontece, mesmo os sem vítimas fatais: a aviação é extremamente regulamentada ao redor do mundo e conta com legislações severas de segurança.

Lembra do pouso forçado do avião US Airways 1549 no Rio Hudson, em Nova York? Todas as 155 pessoas a bordo sobreviveram a esse momento de tensão, que poderia ter virado uma tragédia gigantesca.

Ainda que o final tenha sido feliz, o voo, as condições, as estratégias do piloto, a resposta da aeronave, tudo isso foi estudado à exaustão por uma série de especialistas e órgãos de aviação para que essa situação nunca mais ocorra na história. Por isso, passar momentos de tensão em um pouso forçado por conta de pássaros que se chocam com sua aeronave pode ser uma coisa que você já pode riscar aí da sua lista.

Mas e a turbulência? E a instabilidade? E os ventos, as nuvens, o ar? Como já dissemos nesse texto aqui, se nada disso existisse… você não estaria voando! Por isso, relaxe: na falta de conseguir pegar um elevador para ir para a praia no próximo verão, compre sem medo suas passagens aéreas e VOE!

Voar é um privilégio – mesmo para nós, que precisamos usar nossas asas de lata para ver o mundo de cima.  

 

Comentários


[fbcomments]