Blog 123

5 PASSEIOS INCRÍVEIS NO BRASIL PARA QUEM GOSTA DE COMER BEM

Viagens nacionais com comida boa

Poucas coisas na vida são melhores do que comer – e viajar é, com certeza, uma delas. Mas e se pudermos juntar o útil ao agradável e viajar justamente com o intuito de comer bem?

Para nossa sorte, nem precisamos sair do país se for esse o objetivo. O Brasil tem uma culinária riquíssima de norte a sul e mistura paisagens e temperos de encher os olhos (e a barriguinha!) de qualquer turista.

Separamos no post de hoje cinco destinos e/ou passeios incríveis para que você desfrute de tudo de melhor que nosso país tem a te oferecer em termos gastronômicos.

 

#1 Manaus (AM)

O Norte tem uma culinária bem exótica, apesar de utilizar ingredientes “tradicionais”, como o camarão e a mandioca.

A diferença é que, em cidades como Manaus, a capital da Amazônia, esses itens ganham uma leitura completamente diferente da que estão acostumados a ver os moradores de outras regiões do país.

Ao visitar Manaus, experimente o Tacacá, prato típico da região que leva camarão, folhas de mandioca a iguarias do norte, e o sanduíche de tucumã com queijo coalho, que por lá atende pelo nome de X-Caboquinho.

Ah, e não saia da Amazônia sem fazer um rodízio de açaí pelas ruas da cidade.

 

#2 Salvador (BA)

Um destino tão arretado não poderia ter uma culinária modesta, certo? Então pode se preparar para colocar ainda mais pimenta no seu cardápio quando visitar Salvador, pois parece que essa iguaria é quase obrigatória em território baiano.

A primeira capital do país tem uma boa tradição gastronômica, vinda majoritariamente da África, e vai surpreender o paladar de quem ainda não provou dendê e cuscuz.

Coloque na sua listinha os nomes que não podem faltar nas refeições durante a estadia na cidade: acarajé, vatapá, abará e feijão-de-corda. Você encontra todos esses aperitivos e pratos nos restaurantes chiques e, também, nas barraquinhas de rua.

De sobremesa, as cocadas das baianas são indispensáveis. Não saia de lá sem prová-las.

 

#3 São Paulo (SP)

Durante muitos anos, São Paulo se especializou em receber gente de todas as partes do mundo, e isso acabou se traduzindo na cozinha paulista.

Desde um simples sanduíche de mortadela no Mercado Municipal (que, na verdade, tem as proporções de um banquete) até os mais requintados restaurantes italianos da cidade, a capital é o lugar certo para você comer qualquer prato e se sentir mega satisfeito com a experiência.

Não se esqueça que, além das pizzas – que dão de 10 nas da Itália –, São Paulo também tem a cozinha japonesa (de verdade) no bairro da Liberdade e é mundialmente conhecida como a cidade onde o cachorro quente é imenso e tem purê de batatas.

Isso sem falar na culinária chinesa, tailandesa, americana, peruana, argentina, australiana… enfim: se quiser sair do Brasil só pra comer bem, tente, primeiro, ir até São Paulo. Com certeza você vai conseguir atingir essa meta sem gastar tanto dinheiro.

 

#4 Pirenópolis (GO)

Goiás fica no cerrado brasileiro e é um lugar de respeito no que se refere à cozinha natural. A começar pelas frutas e frutos que só existem por lá – e custam absolutamente caro em outras regiões e países –, o estado também é referência no uso de raízes em seus pratos típicos.

E, para comer bem de verdade, existe uma cidadezinha pequena, chamada Pirenópolis, que vai conquistar o turista pela boca. Por lá, a galinhada e o arroz com pequi são as principais opções para quem não tem medo de arriscar uma mudança em comidas já conhecidas.

Se você sair de Goiás sem experimentar um picolé ou sorvete com base em frutas do cerrado, principalmente aquelas que moradores de outras regiões não veem com frequência (como araticum, buriti, murici, taperebá e outras), estará cometendo um verdadeiro pecado.

 

#5 Tiradentes (MG)

Ninguém duvida que a cozinha mineira é encantadora, mas sua experiência culinária pelo estado pode ficar ainda melhor se você passar pela pacata e histórica cidade de Tiradentes durante o mês de agosto, quando é realizado o Festival Gastronômico.

Nele, renomados chefs do Brasil e do mundo se encontram para desenvolver pratos exclusivos e encher os olhos – e a boca – dos turistas que lotam a cidade.

No intervalo entre um restaurante e outro, o típico pão de queijo mineiro é obrigatório. Não saia de Tiradentes sem provar os doces de Chico Doceiro, que faleceu em 2017, mas deixou o legado das sobremesas bem forte na cidade. Além do sabor, seus doces primam pelo preço baixíssimo – e pela clientela diferenciada. Não se assuste se tiver a oportunidade de dividir a modesta mesa da loja com uma celebridade de TV.

 

E você, coloca mais algum destino gastronômico brasileiro nessa nossa lista? Conta pra gente nos comentários!

 

Comentários


[fbcomments]